Como verificar o seu óleo em 10 etapas fáceis

Verificar o óleo do motor do seu veículo é um projeto de manutenção rápido e simples que quase qualquer motorista pode fazer sozinho. Mesmo que você não se sinta à altura de mudar o seu próprio motor , é provável que você consiga checá-lo por conta própria. A maioria dos modelos deve ter uma troca de óleo a cada três meses ou três mil milhas. Entre as trocas de óleo programadas regularmente, você pode verificar os níveis de óleo do motor para garantir que ele não esteja muito baixo ou sujo.

Siga estes passos simples para verificar o óleo do motor do seu veículo.

Como verificar o seu óleo


Passo 01: Localize um pano ou um pedaço de tecido velho para usar ao verificar seu óleo. Uma camiseta velha geralmente funciona muito bem.

Passo 02: Confira o manual do seu proprietário. Se você não estiver muito familiarizado com o que está sob o capô do seu veículo, você encontrará uma descrição detalhada de onde a vareta está localizada no manual do proprietário.

 

Passo 03: É melhor verificar o seu óleo enquanto está quente. Um bom momento para verificar o seu petróleo é depois de uma rápida visita a um mercado local ou ao redor do seu bairro. Certifique-se de desligar o veículo antes de iniciar o processo de verificação do óleo.

Passo 04: Abrir o capô. Puxe a alça localizada na parte interna do veículo, geralmente ao lado da porta do lado do motorista, e pressione a alavanca localizada embaixo do centro do capô. Certifique-se de que o capô do seu carro esteja bem apoiado. Não adianta sentir-se envergonhado se não souber abrir o seu capuz.

Passo 05: Localize a vareta. Na maioria dos modelos, a vareta está localizada no lado esquerdo do motor. A vareta normalmente tem uma alça circular amarela ou laranja que é claramente visível. Quando você puxa essa alça, um pedaço de metal longo deslizará para fora do motor.

Simulado detran RJ

Passo 06: Depois de localizar e remover a vareta, limpe-a com o pano e coloque-a de volta. Certifique-se de que a vareta esteja inserida até o fim.

Passo 07: Em seguida, remova a vareta novamente. Olhe para o final da vareta. Alguns modelos terão uma linha marcada como “cheia”, enquanto outros terão uma área texturizada que representa a capacidade do cárter de óleo. O óleo aparecerá na cor âmbar. Deve ser bastante fácil discernir o nível do óleo observando a vareta.

Simulado detran RJ
O baixo nível de óleo, como na foto, causará sérios danos ao motor

Passo 08: Se a vareta indicar que o nível do óleo está normal, insira-o novamente.

Se a vareta indicar que o nível de óleo está baixo, toque no final da vareta com dois dedos e sinta a textura do óleo. Se o óleo estiver limpo, você pode adicionar novo óleo usando um funil. Se o óleo for arenoso, é necessário que o óleo seja trocado o mais rápido possível.

Simulado detran RJ
O óleo na imagem parece preto e sujo, é sobre a hora de mudá-lo


Verificar o nível de óleo do veículo é uma tarefa simples que leva apenas alguns minutos para ser executada. Saber como verificar seu óleo permitirá que você garanta que seu motor esteja sendo lubrificado adequadamente.

Caso esteja fazendo as medições de modo correto e mesmo dessa maneira o nível estiver baixo, não se assuste. É comum diminuir em mais de um litro entre uma troca de outra de óleo. Não é comum, no entanto, redução excessiva. O automóvel pode estar com vazamentos. “Duas dicas para observar possíveis vazamentos no propulsor são afirmar se há formação de penumbra de óleo ao se abrir o capô do automóvel e similarmente colocar um cartão ou jornal no chão logo embaixo do propulsor ao alcançar em casa ”, orienta Cremilda.

Não substituir o filtro

Os especialistas recomendam as trocas simultâneas do óleo e do filtro, mas o novo produto pode transportar as impurezas retidas para dentro do propulsor de novo. O filtro constantemente conserva no seu interior um volume residual de óleo oxidado, que contamina o volume de óleo novo, tendendo a agilizar seu processamento de envelhecimento.

Mover acima ou embaixo do nível

Óleo embaixo do nível mínimo pode casar a lubrificação e reforçar a fricção entre as peças, acelerando o erosão dos componentes. O resultado imediato pode ser a redução de potência, o exagero de calor e até a fusão do propulsor.

Já o exagero pode exuberar e cair em locais fora do sistema de lubrificação, o que gera concentração de material em redor. A objetivo: verifique o nível constantemente com o propulsor frio e em lugar plano.

E nada de apurar a vareta com estopa, que deixa resíduos que são capazes de alastrar-se o lubrificante. Opte um papel dominador.

Como verificar o seu óleo em 10 etapas fáceis
Avalie este artigo!